deus category image
10.07.2015

O perdão e o filho pródigo

Olá, gente bonita!!!
Primeiramente, quero agradecer pelo apoio e por todas as mensagens de carinho e incentivo que recebi de vocês nas redes sociais. <3
 
Como prometido, voltei hoje para falar sobre perdão. E tem como falar de perdão sem falar do Filho Pródigo? 
 
Tá ok, eu faço um resumo pra quem não conhece essa parábola:
P.S1: existe alguem que não conhece? 
P.S2: senta que lá vem história
 
Há muito tempo atrás, um homenzinho tinha 2 filhos. Um belo dia o caçula – vou chamá-lo de Essimenino, mas ninguém sabe o nome dele -, pediu ao pai que lhe desse logo toda a parte da herança que era dele, o pai repartiu a herança e deu ao mais novo o que lhe pertencia.
No dia seguinte, o mocinho viajou para terras muito distantes e ali viveu uma vida cheia de pecado e desperdiçou tudo o que tinha. 
Certa vez, houve uma grande fome no país em que ele estava e, como não tinha mais nada, Essimenino procurou um dos moradores daquela terra e pediu ajuda, o morador o mandou para uma fazenda, afim de que ele cuidasse dos porcos.
SÓ QUE, Essimenino passava muita fome, queria comer o que os porcos comiam, mas ninguém lhe dava nada. Um dia, ele lembrou que os trabalhadores do pai dele tinham comida de sobra e pensou: 
“Vou voltar para casa e dizer: ‘Pai, pequei contra Deus e contra ti e não mereço mais ser chamado de teu filho. Me aceite como um dos seus trabalhadores.’ “
Então, Essimenino saiu dali e voltou para a casa do pai.
Quando o rapaz estava longe de casa o pai o avistou, e com muita pena do filho, correu, o abraçou, e beijou. E o filho disse:
Pai, pequei contra Deus e contra ti e não mereço mais ser chamado de teu filho. Me aceite como um dos seus trabalhadores.
Mas o pai, com um imenso amor pelo filho, ordenou que os empregados trouxessem a melhor roupa para vestirem em Essimenino, que pusessem um anel no dedo dele e sandálias em seus pés. Também ordenou que fizessem um banquete em homenagem ao filho, e disse:
“Vamos festejar, porque esse meu filho estava morto e reviveu, estava perdido e foi achado.”
Para o que eu quero falar hoje, a história termina aqui, mas se você quer ler a versão original e completa é só ir em Lucas 15:11-32.
 
De volta ao assunto: trazendo essa história para as nossas vidas, podemos substituir “pai” por “Jesus” e “Essimenino” pelo “seu nome aqui” (haha), assim, fica mais fácil perceber o quanto Deus se importa com a gente, e como para Ele cada pessoa é muito muito especial. Não importa quantas vezes pedimos perdão para Jesus, ele sempre nos perdoa e apaga o nosso passado, e Ele deseja que façamos isso com o nosso próximo também. 
 
Mas, é bem importante lembrar que chegará o tempo em que não haverá mais tempo (Mateus 25: 31-46), não espere essa hora chegar para pedir perdão a Deus e a quem você machucou, combinado?
 
“Eu te perdoo”
 
 
Vou deixar aqui outros versículos que falam sobre perdão e que eu gosto bastante: 
P.S3: acompanhem o drama de uma garota que não conseguiu colocar o travessão hahaha, sorry
 
 
“Então Pedro chegou perto de Jesus e perguntou: – Senhor, quantas vezes devo perdoar o meu irmão que peca contra mim? Sete vezes?
 
-Nãoo! – respondeu Jesus. – Você não deve perdoar sete vezes, mas setenta vezes sete.” Mateus 18: 21-22
“Então Jesus disse: 
 
– Pai, perdoa essa gente! Eles não sabem o que fazem” Lucas 23:34
“Sejam bons e atenciosos uns com os outros, assim como Deus, por meio de Cristo, perdoou vocês” Efésios 4:32 
“Quem diz que vive na luz e odeia o seu irmão, está na escuridão até agora” 1João 2:9
“Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai celestial vos perdoará a vós; Se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai vos não perdoará as vossas ofensas.” Mateus 6:14-15 

Escrito por:
Sarah Nascimento
Estudante de farmácia, cheia de hobbies, entre eles a leitura. Em 2015 o S de Sarah nasceu. Um espaço para compartilhar várias das minhas paixões.

COMPARTILHE   

  1.    Aline Dias 10 de julho de 2015

    Hummm que lindo!!! Perdoar é um ato divino, infelizmente falta no set humano essa capacidade de perdoar de coração!!! http://www.minhanegracor.blogspot.com.br

    Responder

  2.    Sarah Nascimento 10 de julho de 2015

    Verdade Aline! <3

    Responder

  3.    Camila Carvalho 10 de julho de 2015

    Valeu a pena esperar pelo post de hoje.
    Perdoar sempre é algo difícil, que nos causa sacrífico, e quando penso nisso quem fez sacrifício maior do que Jesus me perdoando mesmo sabendo que assim como Pedro o negaria diversas vezes quando por consciência ou não esqueço dele e peco.
    Perdoar gera não só cura para a pessoa que merece nosso perdão, mas também para nós que ficamos livres das algemas da falta de amor.
    Ótima mensagem Sarah. ♥

    Responder

  4.    Sarah Nascimento 10 de julho de 2015

    Obrigada, Camila! É verdade, perdoar faz bem para ambas as partes. Faço das suas palavras as minhas! Lindo comentário. <3

    Responder

  5.    Rafaella Abreu 10 de julho de 2015

    Que lindo. Adorei o post.
    Saber perdoar é libertador <3

    http://www.revistadarafa.com.br

    Responder

  6.    Sarah Nascimento 10 de julho de 2015

    Obrigada, Rafa! :*

    Responder

  7.    Giih 10 de julho de 2015

    que blog mais encantador, adorei <3

    beijos
    giihflore.blogspot.com

    Responder

  8.    Sarah Nascimento 10 de julho de 2015

    Obrigada, Giih!!! Sempre acompanho seu blog <3

    Responder

  9.    PRINCESAS CRISTÃS – JAYNE GOMES 10 de julho de 2015

    Linda, amei o blog!
    Está lindooo <3 bjs

    Responder

  10.    Sarah Nascimento 10 de julho de 2015

    Obrigada, Jay <3

    Responder