livros category image
29.05.2017

Leituras de Abril

Olá, gente bonita!!!

Mas quase que essa postagem não sai, hein? Perdoa o atraso e não desiste de mim, é culpa do final de semestre! Hahaha 

Graças aos feriados nas sextas, abril foi o mês que eu mais pude ler depois que as férias terminaram. Vem conferir:

 

 

1. Rio de Tinta: só tenho uma coisa a declarar sobre Rio de Tinta: as pessoas precisam ler! Já saiu até resenha aqui no blog. Clica aqui pra ler.

Minha avaliação:       Skoob: Adicione

 

2. The Heart of Betrayal: todo mundo ficou sabendo o quanto eu fiquei grata a Deus pela oportunidade de ler aquela obra-prima chamada The Kiss of Deception. Com The Heart of Betrayal não foi diferente, favoritei sem dúvidas!

Minha avaliação:       Skoob: Adicione

 

3. Os Miseráveis, adaptação de Walcyr Carrasco:  li essa adaptação pela primeira vez em 2011 como romance obrigatório da escola e resolvi reler em abril! É uma versão bem didática, de linguagem clara e as páginas carregam notas para ajudar na compreensão do contexto. Super indico <3

Minha avaliação:        Skoob: Adicione

 

4. Talvez Um Dia: Colleen Hoover continua sendo minha autora favorita de todos os tempos e em Talvez Um Dia tive uma surpresa muito boa! O que mais amo nos livros da CoHo é o fato de não existir personagens perfeitos externa ou internamente.

Preciso me segurar para não dar um spoiler que é a base para o desenvolvimento dessa história, mas confie em mim e LEIA ESSE LIVRO.

Minha avaliação:       Skoob: Adicione

 

5. Baía da Esperança: bem aqui cheguei a conclusão de que Jojo Moyes não é para mim. Por mais que a história seja muito linda (baleias sempre me emocionam), é também muito devagar e cheia de detalhes que não fazem diferença em nenhum momento do livro. Fiz leitura dinâmica para conseguir concluir, ou terminaria abandonando.

Minha avaliação:       Skoob: Adicione

 

6. A Rainha Vermelha: acho polêmico falar desse livro, porque a maioria das pessoas amam e querem correr para as sequências, ou decidem que não vão concluir a leitura da trilogia. No meu caso, é no primeiro volume que paro.

Achei que A Rainha Vermelha parece muito com Jogos Vorazes, e como fiquei sabendo que o segundo é bem parado, decidi que não vou ler os outros dois volumes.

Minha avaliação:       Skoob: Adicione

 

7. A Ovelha e o Dragão – Os Escolhidos: primeiro romance cristão nacional que virou filme! Não poderia deixar de ler, né? Esse é o primeiro volume de uma trilogia e traz uma história de batalha espiritual MUITO forte! Por mais que as capas sejam um pouco muito feias, o conteúdo compensa demais!

Só não favoritei porque o livro repete muito as cenas, alternando apenas o narrador. 

Minha avaliação:       Skoob: Adicione

 

Caso queiram comprar um desses livros ou até mesmo outros produtos, venham buscar um cupom de desconto da loja em que pretende realizar a compra no Cupom Válido.

É só pesquisar pelo nome da loja, e escolher a opção de cupom <3


Escrito por:
Sarah Nascimento
Estudante de farmácia, cheia de hobbies, entre eles a leitura. Em 2015 o S de Sarah nasceu. Um espaço para compartilhar várias das minhas paixões.

COMPARTILHE   
livros category image
15.05.2017

Resenha: Uma Chance para a Esperança

Olá, gente bonita!!!

Depois de tanto tempo sem posts por conta da faculdade, finalmente voltei para falar de Uma Chance para a Esperança, um romance cristão e nacional publicado pela Upbooks, editora parceira do blog.

 

 

Sinopse: O medo do presente devido ao passado.
Ester e Pedro são dois irmãos que tiveram suas vidas marcadas por traumas e feridas que não cicatrizaram com o passar dos anos. Mesmo sendo bem-sucedidos e conhecidos por serem bons filhos e amigos leais, criaram barreiras emocionais difíceis de se desfazer.

Após um assalto, a perspectiva de vida de Pedro muda totalmente. Dois anos depois, o jovem se vê num momento de sua vida que precisa decidir o que fazer: parar e desistir ou lutar contra as barreiras físicas e emocionais que o impedem de prosseguir.
Ester é uma garota linda que se preocupa em ajudar os outros, mas não consegue lidar com seus próprios traumas. Algo que aconteceu em seu passado a impede de viver um grande amor. Quando um jovem ousado surge em sua vida, uma batalha começa a ser travada em seu coração. Ao mesmo tempo, um segredo familiar guardado ferozmente por sua mãe ameaça a paz que ela tanto busca.

Ester e Pedro. Dois irmãos, duas histórias diferentes, muitas pessoas envolvidas…

Em meio a um segredo guardado a sete chaves, violência, medos profundos, abandono, traição e incredulidade, haverá alguma chance para a esperança?


 

Resenha: O livro narra inicialmente a história de dois irmãos com fortes dramas em suas vidas. Pedro, que após um assalto ficou paraplégico, e Ester, que acaba de entrar em uma faculdade e enfrenta algumas barreiras em sua vida sentimental.

A partir desses dois personagens e dessa fase de mudança na família, a história começa a se desenvolver e muitos outros fortes temas serão abordados.

Para mim, a história tem uma premissa interessante, mas a dificuldade no fluir da leitura teve início nesse ponto.

Assuntos que mereciam destaque e aprofundamento foram abordados de modo superficial e sem a devida importância, os mistérios foram muito previsíveis, e tive um problema com os personagens, já que existiam questões que poderiam ser resolvidas facilmente com o diálogo. 

Acho que teria sido um livro maravilhoso se a autora não tivesse sido tão breve, ou escrevesse um livro para cada irmão, já que cada história carrega um tema importante de ser abordado, principalmente sob o ponto de vista cristão.

A narração é feita em terceira pessoa e a diagramação conta com pequenos detalhes de borboleta nas páginas e a cada novo capítulo encontramos um versículo ou uma frase.


 

Nome do Livro: Uma Chance para a Esperança
Autora: Socorro Araújo
Editora: Upbooks
Número de Páginas: 274
Gênero: Romance cristão
Skoob: Adicione
Onde comprar: Upbooks 
Avaliação: 

 

 

———————

Esse livro é cortesia da editora. A política do blog é fazer postagens sinceras e a opinião aqui relatada veio da experiência de leitura e é independente da editora ou autor que enviou o produto para resenha.


Escrito por:
Sarah Nascimento
Estudante de farmácia, cheia de hobbies, entre eles a leitura. Em 2015 o S de Sarah nasceu. Um espaço para compartilhar várias das minhas paixões.

COMPARTILHE   
livros category image
11.04.2017

Resenha: Confissões de uma Garota Excluída, Mal-Amada e (Um Pouco) Dramática

Olá, Brasil, Polo Norte e China! Ontem foi dia de resenha,  mas não tive como postar, então vai hoje mesmo.  

Decidi trazer esse livro maravilhoso que li há algum tempo e foi uma leitura muito divertida, perfeita para curar ressaca literária e que me custou apenas 9 dinheiros em um brechó do enjoei!  

 

 

Sinopse: Tetê acaba de se mudar com a família toda para Copacabana, no Rio de Janeiro, para a casa dos avós. O lindo e espaçoso apartamento da Barra da Tijuca em que morava teve que ser vendido, pois com a crise o pai foi demitido, e o resultado é que a vida dela virou de cabeça para baixo. Além de perder a privacidade, tendo que dividir o espaço com cinco parentes malucos que brigam o tempo todo, ela perdeu todas as suas referências. A única coisa que a deixa feliz é cozinhar. E, claro, comer as delícias que faz.

O lado bom foi se livrar do antigo colégio, no qual sofria bullying por causa de seu jeito peculiar. Sem contar sua desilusão amorosa… O problema é que ela está apavorada, porque agora tudo será novo e estranho, com o ensino médio, com a nova escola, e sem conhecer ninguém. E morre de medo de ser excluída ou de sofrer bullying novamente. Ela está bem mal, para dizer a verdade. Ou talvez seja um pouco de drama, porque já no primeiro dia as coisas parecem ser um pouco diferentes… Pelo jeito, tudo vai mudar, e para melhor.

 

 

Nome do Livro: Confissões de uma Garota Excluída, Mal-Amada e (Um Pouco) Dramática

Autora: Thalita Rebouças

Editora: Arqueiro

Número de Páginas: 272

Skoob: Adicione

Onde comprar: Submarino | Livraria Cultura | Amazon  

 

Confissões de uma Garota Excluída, Mal-Amada e (um pouco) Dramática narra a história de Teanira, mais conhecida como Tetê, uma adolescente tímida, que não se depila, sem amigos e que ama cozinhar. Por causa de problemas financeiros, Tetê e seus pais precisaram mudar de bairro e ir morar com os avós da menina. Isso significa mudar de escolas e sair da zona de conforto, mas é também uma nova chance de mostrar o seu melhor lado e se livrar do bullying.

Na primeira parte do livro, tive certeza de que eu não deveria estar lendo, porque parecia um pouco infantil e forçado demais, além da família de Tetê ficar impelindo a menina a depilar o buço e agir de um jeito que não era do agrado dela. Lembro também de ter pensado “será que eu falava assim?”, mas persisti na leitura e quando cheguei no primeiro dia de aula da Tetê, já estava rindo alto e rindo alto continuei até terminar o livro.

 

 

É incrível como a Thalita capta o universo adolescente e consegue transformar todos os momentos constrangedores e humilhantes que passamos durante a fase em algo divertido, sem menosprezar os problemas da adolescência. A leitura é bem fácil, e concluí em um domingo. A narração é feita em primeira pessoa e conta com várias receitas da Teanira ao longo da leitura.    

 

Avaliação:  


Escrito por:
Sarah Nascimento
Estudante de farmácia, cheia de hobbies, entre eles a leitura. Em 2015 o S de Sarah nasceu. Um espaço para compartilhar várias das minhas paixões.

COMPARTILHE