feminices category image
11.07.2015

Sobre a Transição Capilar: O que é e Como Sobreviver

Olá, gente bonita!!!
Hoje eu vim aqui pra falar sobre um dos assuntos que mais leio since setembro de 2013:  A FAMOSA TRANSIÇÃO CAPILAR 
Link da imagem
 
Transição Capilar é o período de tempo entre um cabelo quimicamente tratado e o cabelo natural.
Exemplo: a raiz cacheada e o comprimento liso, ou o comprimento permanentado e a raiz de outra textura. 
Eu fiquei 8 meses na transição capilar até decidir fazer o BC (sigla muito usada entre as meninas que passaram pela transição, e significa BIG CHOP ou grande corte; momento em que decidimos tirar toda parte com química e deixar só a parte natural).
 
É muito difícil se sentir bonita durante a transição, e por isso eu separei algumas dicas de como usar o seu cabelo durante esse período:
  • Box Braids: são tranças de fibra sintética feitas rente ao couro cabeludo e segue por todo o comprimento, dura em média três meses até ser necessária a manutenção. Eu particularmente acho lindas e bem estilosas, tenho muita vontade de fazer, quem sabe um dia, né?
 
Link das imagens soltas aqui
 Outra vantagem bem legal a respeito das box braids, é a variedade de cor e tamanho. 
  • Alongamento Cacheado: O famoso Mega Hair também é uma das opções para quem tá na transição, existem alongamentos permanentados que ficam bem naturais, como o da Lu Carrilho (foi assistindo os vídeos dessa mulher que eu fiz metade do meu BC <3).
Essa é a Lu Carrilho, maquiadora e Youtuber, clique aqui para acessar o canal dela.
 
  • Texturização: Essa eu conheço BEM hahaha. Existem vários tipos de texturizações, eu fazia a de coquinhos, mas você pode fazer a com canudos, bigudinhos, com twists e muito mais. A desvatagem é que demora um pouco para fazer, e no meu cabelo só durava uns três ou quatro dias, mas é a opção mais barata. Vou deixar aqui uma foto da Jeane (com quem aprendi a fazer texturização) e na legenda da foto tem o link para a playlist de TEXTURIZAÇÃO NA TRANSIÇÃO no canal dela.
Clique Aqui

Escrito por:
Sarah Nascimento
Estudante de farmácia, cheia de hobbies, entre eles a leitura. Em 2015 o S de Sarah nasceu. Um espaço para compartilhar várias das minhas paixões.

COMPARTILHE